Partido aponta o dedo ao executivo

CDS ‘não foi tido nem achado’ no orçamento

ARGONCILHE A Assembleia de Freguesia de Argoncilhe, que decorreu na passada quinta-feira, foi, segundo o CDS-PP, “muito surpreendente e pouco pacífica”. “Acusamos o actual executivo de Junta de não termos sido convocados para apresentar sugestões e propostas ao orçamento, tal como foi o Partido Socialista. A Junta de Freguesia sabe da obrigatoriedade de convocar todas as forças partidárias segundo a lei do estatuto de Oposição. Ao questionar o executivo sobre esta questão, foi-nos respondido que convocam quem lhes interessa”, aponta o CDS-PP, em comunicado.

Faça a sua assinatura e leia os artigos na integra